Como é morar num hostel

Sim, eu já morei em um hostel! E digo mais, em um desses “mais acessíveis”, menos limpos, com banheiro compartilhado na pegada roots.

Uma vez resolvi ir com mais 2 amigos fazer um curso de espanhol na Argentina e eu realmente não tinha dinheiro para alugar um apartamento legal ou ficar hospedada em um hotel mais arrumadinho. Um colega que já tinha feito a mesma viagem e que acabou ficando neste hostel indicou como uma opção barata e lá fomos nós.

O La Rocca é um hostel em uma casa antiga no centro de Buenos Aires, tá super bem localizado e o pessoal que trabalhava lá na época era muito legal, fiquei tão próxima de algumas pessoas que até hoje mantenho contato e já nos encontramos outras vezes aqui no Brasil.

O lado bom:

Conhecer pessoas: Se ficar em um hostel uma semana faz você conhecer um bom número de pessoas, imagine morar nele quase dois meses. Muita gente ainda faz parte da minha vida, pessoas me apresentaram pessoas que são muito importantes para mim hoje; amores então, que maravilha! No começo dos vinte, num verão em Buenos Aires eu morria e ressuscitava de paixão semana após semana, hahaha. Era como morar numa casa bem grande e receber visitas eternamente, pessoas com muitas histórias pra contar e sempre com algo para ensinar.

Economia: Não sei hoje, mas na época que fui fazer o curso saía muito mais barato ficar no hostel. Ainda negociamos e conseguimos fechar um quarto duplo e colocar uma cama extra por um preço mais baixo que a estadia normal (ok, que no meio do caminho tivemos que ir passar uma semaninha no quarto de 8 pessoas, mas essa história merece um post só pra ela).

Agitação: Se você não está viajando no clima de busca por um lugar para descansar do seu dia a dia estressante e quer saber o que acontece de mais legal para se divertir na cidade, um hostel é um ótimo lugar para estar. Lá você tem informações sobre o que vai acontecer, sobre bares legais (e baratos), além de sempre rolar voucher de desconto para festas e eventos culturais. A depender do tipo de hostel ele mesmo é uma diversão, no La Rocca a gente fazia festa, churrasco, cantoria…

O lado ruim:

Privacidade: É claro que ela fica comprometida, você acaba tendo que acostumar a trocar de roupa debaixo da coberta ou talvez pagar calcinha pro coleguinha, algumas vezes você tá lá dormindo feliz e alguém acende a luz na sua cara ou faz barulho, pode ser que alguém use algum item seu que estava devidamente nomeado e guardado na geladeira da cozinha compartilhada… Enfim, naquele dia que você precisa de um momento de solidão talvez seja mais eficiente ir pra um parque sozinho ou uma biblioteca se precisa estudar, é quase impossível não ter ninguém no quarto.

Limpeza: Nenhum banheiro coletivo que eu conheça, por mais limpo que seja, é igual ao da sua casa. Se você é fresco com isso, não vá nunca para um hostel onde você tenha que compartilhar banheiro. Lá no La Rocca minha técnica foi ficar amiga na moça da limpeza que me avisava logo quando tinha acabado de limpar pra eu ser a primeira a usar (olha o golpe!)

Som: Eu tive a felicidade de ficar em um quarto bem distante do bar do hostel, mas não quero nem imaginar o que era para as pessoas que estavam por perto precisar dormir em uma noite de festa. Talvez isso não seja tão importante quando você está viajando por poucos dias e vai voltar logo pra sua caminha, mas num espaço de tempo maior dormir mal sempre é o caos. Pense nisso na hora de escolher o hostel e o quarto!

Pra finalizar acho que a experiência foi muito válida, aprendi muito com as pessoas que convivi, entendi muitas coisas que são básicas para se hospedar feliz em um hostel e que sempre levei nas minhas outras viagens, me diverti muito e colecionei histórias engraçadas, que pretendo dividir aos poucos com vocês aqui.

Anúncios

Um comentário sobre “Como é morar num hostel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s